O Espiritismo

O Espiritismo

Embora já exista um grande esclarecimento relativamente à doutrina espírita, ou espiritismo, ainda se nota muito desconhecimento relativamente ao que é o espiritismo, quem são os espíritas, o que fazem e com que finalidade. O espiritismo é algo de muito sério, ligado à cultura, e que nada tem a ver com charlatanice, superstição, crendices, bruxarias, magias. Antes pelo contrário, o espiritismo busca esclarecer o nosso proposito de vida, como podemos trabalhar as nossas imperfeições e aceitar as provas da vida de uma forma mais consciente e nos explica que a cariedade feita sobre as mais variadas formas é a cura dos nossos males e uma semente que projeta bençãos futuras.

 
Os espíritas são pessoas perfeitamente normais, com os seus empregos, famílias, e que, nas suas horas livres, se dedicam, GRATUITAMENTE, ao estudo, prática e divulgação do espiritismo. Nesse sentido, não são espíritas aqueles que lucram, exploram ou enganam em nome do Espiritismo, os que se ocupam de cartomancia, sortilégios ou adivinhações, para iludir os seus semelhantes, os que mistificam ou se atribuem falsas faculdades em cujo fundo está o absurdo, fanatismo ou interesse, os que recebem, directa ou indirectamente qualquer remuneração pela assistência que prestam ao seu semelhante, os que colocam anúncios em jornais publicitando os seus dotes e prometendo curas e resolução de problemas.
O espiritismo é uma ciência filosófica de consequências morais. Como ciência, investiga os factos espíritas. Como filosofia explica-os. Como ética dá-nos um roteiro moral para as nossas vidas. Pode-se definir como sendo a ciência que estuda a origem, natureza e destino dos espíritos, bem como as relações existentes entre o mundo espiritual e o mundo corpóreo.
O espiritismo (ou doutrina espírita) foi codificado por um professor francês em meados do século XIX: Allan Kardec.
Esta doutrina surgiu como resultado de muitos estudos feitos por esse homem que, de início, não acreditava na comunicação dos espíritos.

A doutrina espírita, ou espiritismo, baseia-se em factos e não foi criação de um homem: é resultado de anos e anos de estudo metódico. Hoje, percebe-se que tem muito para dar à humanidade.
O espiritismo, não é uma religião, não é uma seita, mas sim uma doutrina universalista que procura através da prática dos ensinamentos morais, auxiliar a melhorar o mundo, tornando-o mais fraterno, mais pacífico, mais tolerante, explicando às pessoas do porquê da vida, de onde vêm e para onde vão, das causas dos seus sofrimentos e alegrias, mostrando o sentido que a vida tem dentro deste conceito. No estudo do espiritismo encontrará as respostas para muitas injustiças que parecem padecer o mundo e até mesmo o que por vezes acontecem as pessoas boas. No espiritismo estuda-se a reencarnação e os efeitos que sucessivas reencarnações podem ter nas nossas vidas atuais. O espiritismo abre-nos portas para o nosso desenvolvimento moral e intelectual e como o seu desenvolvimento pode-nos elevar para mundos e planos superiores a quando da nossa desencarnação. Se deseja conhecer mais sobre esta linda doutrina e procura desenvolver-se e acelerar o seu crescimento procure um centro espirita perto de sua cidade e frequente as palestras gratuitas e grupos de estudo que aí poderá encontrar.

O Espiritismo

 

2 Comentários

  1. muito bom

  2. leonel || at

    a doutrina espirita não é uma religião, é uma filosofia de vida que indica o caminho para alcançar altos voos espirituais, para mim aqui encontraram todas as respostas que necessitam. bem aja ter encontrado esta maravilhosa forma de vida

Comentar

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*